origem
Sábado, 9 de Outubro de 2010

Capítulo Vinte

Olá...

Minhas caras leitoras, este capítulo é o Jake que relata. Eu lembrei-me de demonstrar a dor que o Jake sentiu ao ir embora da casa de campo, e deixar a Nessie ali com os pais.

Eu sei que vocês devem estar a pensar: "sempre  a bater na mesma tecla", eu sei também pensei o mesmo. Mas é mesmo preciso este capítulo para continuar a história. E eu juro...que daqui a um capítulo ou dois teremos o sentimento que tanto nos faz bem, a felicidade.

Pessoalmente não gosto deste capítulo... mas não sou eu que tenho que formular as opiniões são vocês...

Este capítulo é dedicado á minha querida, Mónica, que por acaso não tem blog. Mas é a minha companheira nas actividades linguísticas de crepúsculo...nos intervalos da escola.

É  a minha Bella Sawn (eu na escola sou o EDWARD x))...

 

Espero que gostem :)

 

Jake

 

   

A saída daquela casa, foi como uma faca a perfurar a minha pele em direcção ao meu coração, que palpitava por amor.

As lágrimas caíam dos meus olhos como um rio, num dia de tempestade. O meu corpo tremia imenso, pela dor e pelo ódio que se formava pela Bella. Só me questiono, o porquê de ela me querer fazer sofrer tanto?

Já não bastou aquele tempo todo, em que parecia um inútil atrás dela feito um cachorro.Já não chega ,ela me ter negado o amor que sentia por mim, também me tem que negar o amor da filha dela.Bella não é ninguém para pedir á Nessie novas experiências. Ela nunca o fez quando aquele vampiro se foi embora.

Imagens do que se passou no quarto passavam pela minha mente como um enxame de abelhas, acabadas de ser ameaçadas por alguém.

Sentia o peso da pulseira que ela me havia dado algum tempo atrás.Sentia a pele de couro a roçar no meu pulso, como se estivesse a dizer “Olha para mim”. Com fúria retirei -a e coloquei-a no bolso dos calções que iria retirar.

Caminhei durante algum tempo, em forma humana, sem saber para onde me estava a dirigir, simplesmente os meus membros eram movidos por instinto.Com os olhos cobertos de lágrimas, que não paravam de cair, olhava para o chão coberto de musgo e fetos verdes.Aquela vegetação não me era de todo estranha. Levantei lentamente a cabeça e mirei o lugar onde havia parado.

Era o nosso lugar. Onde tudo era verde e perfeito. O sítio onde foi dado o nosso primeiro beijo, onde o nosso amor fora declarado sem medo e receios.

Tentei dirigir-me a nossa cadeira natural - um rochedo em forma de cadeira - mas o meu corpo reagiu de forma diferente ao que eu desejava. Em vez de um passo, cai de joelhos e foi nesse momento que um enorme grito saiu dentro da minha garganta. A dor tornava-se cada vez mais insuportável.

Não sei o que realmente se passou depois daquela cena.Mas de um momento para o outro acordei no meu quarto, rodeado pelo Quil e pelo Embry, que olhavam para mim com a preocupação instalada nos olhos.

  • Jake!- falou Quil, quando me viu com os olhos abertos.

Passei as mãos pela minha face, e notei que estava húmida. Levantei-me lentamente para os encarar de frente.

  • O que se passou?- questionei um pouco confuso. Porque eu não sabia se tudo o que passei foi um sonho ou pura realidade.

  • O que se passou perguntamos nós? Sabes o perigo que passas-te, deitado em forma humana no meio da floresta? Podia aparecer um vampiro, e sei lá...

Eles estavam realmente preocupados e furiosos. Mas eu precisava de saber onde estava, quero saber se é realidade.

  • Quil, onde me encontraram? Eu preciso de saber.

  • Jake, estavas deitado inconsciente no meio da floresta. No lugar onde tu a Nessie costumam namorar.

Uma dor trespassou o meu corpo ao ouvir o tal nome, Nessie.As imagens do dia anterior passavam novamente pelo meu cérebro, sem parar. As lágrimas que pensava que haviam acabado brotaram novamente dos meu olhos.

Por impulso coloquei a cabeça entre os joelhos para tentar diminuir a dor, que sentia. Mas ela batia bem forte no coração.

  • Meu , o que se passa?- perguntou Embry, confuso.

  • Eles...ela...estou sozinho... -tentei falar.

  • Jake, não entendi nada.

  • Caramba - gritei - A Bella e o Edward apanharam-me no quarto com a Nessie. Não tínhamos feito nada de mal. E aqueles vampiros, proibiram-me de ver a Nessie.

  • Meu, como é que te apanharam? Se não fizeram, nadaperverso, porque é que eles te expulsaram de lá? - questionou Embry , um quanto alterado.

  • Embry- suspirei- É assim tão difícil de perceber?

  • Embry és mesmo ignorante -defendeu Quil- O Jake e a Nessie estavam quase... tu sabes.

Foi nesse momento que Embry, gritou de admiração.

  • Jake, estás tramado.
  • A sério? Ainda não havia percebido.- disse sarcasticamente.

De repente, levantei-me dirigi-me á casa-de-banho, vesti uns calções velhos e desci as escadas. Embry e Quil acompanharam-me em tudo.

Palavras e imagens passavam na minha cabeça com uma rapidez  inacreditável. Estava prestes em entrar no estado de fusão, ou a ter um AVC.

Mas, no meu cérebro já pairava a minha decisão.

  • Embry, Quil. - chamei- Digam ao meu pai, que gosto muito dele. E...e que um dia voltarei.
  • Não. Não nos faças isso de novo. Jake, caramba, não é a fugir que resolves os teus problemas. - reagiu Quil.

Já era tarde, o calor possuiu-me e um lobo avermelhado já corria para dentro da floresta sem rota.

Semanas se passaram, e eu ainda corria. Sentia cada ramo de árvores secas que calcava, cada batimento da minha corrida, cada chilrear dos pássaros, cada esquilo a trepar as árvores, cada veado a movimentar a língua para beber o seu bem essencial, a água.

A solidão apoderava-se de mim, rapidamente, a dor agora mantinha-se num “picar” constante, ao qual eu já me habituei .

Estava a quilómetros das floresta de Forks, mas o meu instinto dizia-me que eu voltaria rapidamente, para o meu lar.Mas quando, isso já não sei.

 

 

 

estou : doente :X
ouvi: Plumb- Hang on
escrito: Drica às 17:08
link do post | diz lá...o que pensas | favorito
20 comentários:
De jessica a 14 de Outubro de 2010 às 19:35
ola fofinha
este capitulo ta muito triste, mas ta muito fixe
bjs fofos beiças ou geleia
jessica


De soniiinhaaa :D a 14 de Outubro de 2010 às 18:02
Oláá, querida esta lindo :D
Bjinhos


De tammy_love a 14 de Outubro de 2010 às 17:10
Nossa Drica adorei esse capítulo
saber todo o sofrimento dele
foi maravilhoso...

No meu livro um romance está para nascer,
mas a Sarah vai ficar muito confusa
com o sentimentos dela......
Postei um novo capítulo e
ele tem uma dica do romance que está a nascer...
http://tammy_love.blogs.sapo.pt/5724.html
Bjokas

Ps: Espero que você tenha tempo para ler o meu
livro.....e comente por favor....


De Isabela a 14 de Outubro de 2010 às 16:05
Cara leitora, quero informar que o 20º capítulo da ABD - FIC já se encontra postado :)
~ c.cullen.

(spam)

Bem, o meu comentário. Esta tristeza na tua Fic anda-me a deixar também triste. Eu adorei o capítulo, mas estou ansiosa por ambientes mais alegres. Um enorme beijinho :)


De Cate J. a 13 de Outubro de 2010 às 20:22
Para o próximo capitulo vais perceber as fotos ^^


De Cate J. a 11 de Outubro de 2010 às 21:47
novo capitulo de Blood Nature on

. A data foi mudada para dia 5 de Novembro ^^
E eu apresentei as personagens porque gosto de deixar as pessoas ansiosas hihi

Beijinhos querida


De Sara a 11 de Outubro de 2010 às 16:31
olá, esta é a segunda vez que vejo o teu blog, mas agora estou ansiosa por ver outro dos teus posts.
Amiga, estás no bom caminho, continua a escrever eu gosto imenso e outras pessoas também gostarão.


De Ana a 10 de Outubro de 2010 às 01:22
Drica! Que vergonha!! $:

Tens toda a razão, eles já se tinham encontrado quando ela ia fugir não era? Como fui trocar isto tudo!!! :@ Que RANHOSA que eu sou!!!

Desculpa! Desculpa!

Sabes eu leio mais fics e como os capítulo só são postados com entrevalos de tempo, começo a baralhar um bocado as coisas... :x Mas já voltei aos capítulos anteriores e já me lembrei de tudo outra vez.

Agora estou envergonhada por ter feito esta confusão. $:


De Ana a 9 de Outubro de 2010 às 23:29
Drica!!!

Gostei de saber o que se estava a passar com o Jacob, porque estava a achar estranho não haver noticias dele, agora ja sei o que se passou, ele fugiu... :X
Espero que ele regresse depressa Drica, eles TÊM de ficar juntos novamente. E DEPESSA!!!!

Já agora, posso saber se já tens escrito o capítulo do reencontro? :x

Olha, é óbvio que apesar de triste eu gostei MUITO MUITO. ;)

BEIJINHOS,
Ana


De Drica a 9 de Outubro de 2010 às 23:42
Obrigada Ana...
Não ainda não escrevi o capítulo seguinte...não gosto muito disso mas não tenho tido muito tempo.
Mas o reencontro deles já aconteceu...
Quando ele foi ter com a Nessie ao quarto dela.
Mas o encontro oficial perante a familia inteira...já tenho uma ideia como vai ser...
Mas não digo nada...pois assim não teria piada...
Eu quero mais um capítulo dos teus...por favor...


De alexis a 9 de Outubro de 2010 às 23:18
Tive tanta pena do Jacob...
Mais um belo capítulo!
Beijinho


De Drica a 9 de Outubro de 2010 às 23:43
Obrigada querida :)


Comentar post

.quem sou?

.pesquisa...

 

.Abril 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


.já escrevi

. Informações

. Capítulo Trinta e Oito

. Capítulo trinta e sete

. Capítulo trinta e seis

. Capítulo Trinta e Cinco

. Capítulo Trinta e Quatro

. Capítulo Trinta e Três

. Capítulo Trinta e Dois

. Primeiro Ano!

. Novo Visual

. Capítulo Trinta e Um

. Capítulo Trinta (parte 2)

. Capítulo Trinta (parte I)

. Capítulo Vinte e Nove

. Informações

.arquivos

. Abril 2012

. Dezembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

.Links

.Visitas

contador de visitas

.Online

online